AS ORGANIZAÇÕES SINDICAIS E DOS TRABALHADORES NASCERAM NO SÉCULO PASSADO GRAÇAS À FUNDAMENTAL PARTICIPAÇÃO DOS ANARCO-SINDICALISTAS ITALIANOS QUE DA ITÁLIA TROUXERAM CULTURA POLÍTICA E EXPERIÊNCIA ORGANIZACIONAL"

O Presidente da União dos Italianos no Mundo do Brasil, Plinio Sarti, está hoje na vanguarda da luta contra o vírus graças a seu papel de vice-presidente do Sindicato Nacional dos Aposentados do Brasil.

O Sindinap, de fato, firmou acordo com os governos do Estado e da Cidade de São Paulo, organizando junto à sede nacional da entidade um centro de vacinação contra o Covid19 que, nas últimas semanas, já deu início à vacinação de pessoas com mais de 90 e 80 anos (mesmo que não associados ao sindicato).

O Sindinap é, hoje, a maior organização sindical do Brasil e nasceu no ano de 2.000 sob inspiração da organização italiana dos aposentados da UIL, a UIL Aposentados.

Também o presidente do Sindinap, João Inocentini, tem origens italianas como Plinio Sarti. “As organizações sindicais e dos trabalhadores – diz com orgulho o presidente da UIM – nasceram no século passado graças à fundamental participação dos anarco-sindicalistas italianos que, da Itália, trouxeram cultura política e experiência organizacional”.

A respeito dessa história, a UIM dedicou, há alguns anos, ao longo da iniciativa “Momento Brasil-Italia” promovida pela nossa embaixada em Brasília, uma grande mostra fotográfica e um livro; a mostra itinerante foi organizada junto às estações do metrô de São Paulo e também junto à sala de exposições do “Palazzo Pamphili”, em Roma, sede da embaixada brasileira.

A campanha de vacinação do sindicato confirma a inspiração original dessa organização de idosos e aposentados; como faz a UILP na Itália, no Brasil o Sindinap dirige-se a todos os idosos para defender
seus direitos, mas também para oferecer serviços no campo sócio-assistencial.

A pandemia atingiu de forma agressiva as pessoas idosas e, por isso, hoje o compromisso a favor desses cidadãos constitui um sinal muito importante de cidadania e justiça social.